Pular para o conteúdo principal

TU ME AMAS?

 

pesca_rede_05

 

São João, 21

1. Depois disso, tornou Jesus a manifestar-se aos seus discípulos junto ao lago de Tiberíades. Manifestou-se deste modo:

2. Estavam juntos Simão Pedro, Tomé (chamado Dídimo), Natanael (que era de Caná da Galiléia), os filhos de Zebedeu e outros dois dos seus discípulos.

3. Disse-lhes Simão Pedro: Vou pescar. Responderam-lhe eles: Também nós vamos contigo. Partiram e entraram na barca. Naquela noite, porém, nada apanharam.

4. Chegada a manhã, Jesus estava na praia. Todavia, os discípulos não o reconheceram.

5. Perguntou-lhes Jesus: Amigos, não tendes acaso alguma coisa para comer? Não, responderam-lhe.

6. Disse-lhes ele: Lançai a rede ao lado direito da barca e achareis. Lançaram-na, e já não podiam arrastá-la por causa da grande quantidade de peixes.

7. Então aquele discípulo, que Jesus amava, disse a Pedro: É o Senhor! Quando Simão Pedro ouviu dizer que era o Senhor, cingiu-se com a túnica (porque estava nu) e lançou-se às águas.

8. Os outros discípulos vieram na barca, arrastando a rede dos peixes (pois não estavam longe da terra, senão cerca de duzentos côvados).

9. Ao saltarem em terra, viram umas brasas preparadas e um peixe em cima delas, e pão.

10. Disse-lhes Jesus: Trazei aqui alguns dos peixes que agora apanhastes.

11. Subiu Simão Pedro e puxou a rede para a terra, cheia de cento e cinqüenta e três peixes grandes. Apesar de serem tantos, a rede não se rompeu.

12. Disse-lhes Jesus: Vinde, comei. Nenhum dos discípulos ousou perguntar-lhe: Quem és tu?, pois bem sabiam que era o Senhor.

13. Jesus aproximou-se, tomou o pão e lhos deu, e do mesmo modo o peixe.

14. Era esta já a terceira vez que Jesus se manifestava aos seus discípulos, depois de ter ressuscitado.

15. Tendo eles comido, Jesus perguntou a Simão Pedro: Simão, filho de João, amas-me mais do que estes? Respondeu ele: Sim, Senhor, tu sabes que te amo. Disse-lhe Jesus: Apascenta os meus cordeiros.

16. Perguntou-lhe outra vez: Simão, filho de João, amas-me? Respondeu-lhe: Sim, Senhor, tu sabes que te amo. Disse-lhe Jesus: Apascenta os meus cordeiros.

17. Perguntou-lhe pela terceira vez: Simão, filho de João, amas-me? Pedro entristeceu-se porque lhe perguntou pela terceira vez: Amas-me?, e respondeu-lhe: Senhor, sabes tudo, tu sabes que te amo. Disse-lhe Jesus: Apascenta as minhas ovelhas.

18. Em verdade, em verdade te digo: quando eras mais moço, cingias-te e andavas aonde querias. Mas, quando fores velho, estenderás as tuas mãos, e outro te cingirá e te levará para onde não queres.

19. Por estas palavras, ele indicava o gênero de morte com que havia de glorificar a Deus. E depois de assim ter falado, acrescentou: Segue-me!

Pérolas da pregação de Pe. Arlon no Sorrindo pra Vida

Jesus aparece de novo a Beira Mar. No mar que não é mar de água salgada mas, de água doce onde viveu a maior parte de sua vida.

Jesus escolheu o mesmo lugar, o lugar mais conhecido.

Sete estavam lá.

Sete que representa a perfeição.

Sete que representa a totalidade.

Depois da ressurreição os discípulos voltaram a fazer o que faziam, cabisbaixos na vida velha, voltaram a ser pescadores de peixes.

Naquela noite eles não pescaram nada. Jesus disse “Eu sou a luz do Mundo”. Pedro escolheu a noite e o Senhor não está nas trevas. Sem o Senhor nós não produzimos nada.

O trabalho sem o Senhor é infértil.

A condução da vida sem o Senhor deixa você estéril.

Onde que você trabalhou e deixou Jesus do lado de fora?

Jesus não desiste de nós, ele está ao seu lado, lhe acompanha, é persistente, cuida, zela.

Mesmo deixando Jesus de fora, ele ainda os trata como “filhinhos”.

Lançai a rede a direita do barco.

Importante ouvir as ordens de Deus.

Jesus diz LANÇAI – É uma ordem.

Os frutos pescados vem de uma obediência. Talvez os frutos da tua vida não estão vindo porque você não está sendo obediente.

Deixe Jesus dirigir a sua vida. Sente no banco do passageiro. Deixe Jesus conduzir a sua vida. Deixe o Senhor conduzir e obedeça.

Qual a rede?

Qual o trabalho?

Mude de tática. O que você está fazendo? Obedeça o Senhor.

Obedecer o Senhor é ir além. A fecundidade transborda. Obedecer o Senhor é ser fecundo.

Obedeça o Senhor. Seja dócil ao Senhor.

O discípulo mais amado reconheceu o Senhor(João)

Ele disse – É o Senhor

Pedro saiu correndo com saudade.

Pedro saiu, pulou nas águas, pois, estava com muita saudade.

Pedro quando olha para Jesus se sente amado, perdoado.

O Senhor não desiste mesmo que você tenha negado Jesus. Jesus vai ao seu encontro.

Pedro se jogou ao encontro de Jesus, com saudade, sentindo-se amado, perdoado, com muita saudade.

A palavra de João foi de cura – “É O SENHOR”

Temos que ser como João, vamos ser anunciadores.

É O SENHOR!!!

João foi a voz que penetrou no coração de Pedro.

João foi o primeiro que reconheceu Jesus.

Pedro não reconheceu, mas, quando reconheceu saiu desesperado. Pedro estava sem roupa.

Pessoa nua = sem dignidade

Pedro ao reconhecer Jesus vestiu a roupa

Vestir a roupa = vestir=se de dignidade

Pedro tinha perdido a dignidade

Pedro chega primeiro

Quando eles chegaram a beira da praia, Jesus já tinha preparado o fogo para o churrasco de peixes. Jesus sabia que eles estavam cansados. Jesus os esperava como uma mãe. Jesus deixou o fogo preparado, porém, queria que os filhos trouxessem o fruto do seu trabalho. Jesus nunca deixou de ser educador.

A Rede dos sete pegou 153 peixes

A Rede de Deus pega todas as raças.

Os sete comeram com Jesus, porém, foi com Pedro que Jesus teve uma conversa particular.

“ Simão filho de João tu me amas? Simão filho de João tu me amas? Simão tu me amas?”

Prestem atenção, Jesus não chamou ele de Pedro. Por que? Porque ele ali era Simão – o homem velho – não era o Pedro.

Jesus disse apascenta as minhas ovelhas. Pedro é o pastor das ovelhas de Jesus.

Você apascenta as ovelhas de Jesus.

Pedro a partir dali virara pescador de homens.

Jesus chama Pedro pela segunda vez.

Jesus não desiste de você.

Jesus chama você de novo.

As ovelhas de Cristo são nossas. Somos chamados a apascentar as ovelhas de Cristo.

Deus nunca desistiu de você. Continuamente Deus lhe pergunta – Tu me amas?

Enquanto você não lançar a rede Jesus ficará sempre a beira da margem.

Amém?

Amém!!!

Jesus eu Te Amo, sempre quer perguntares essa será a minha resposta.

Postagens mais visitadas deste blog

O luto, o velório a vida – Perolas de Pe. Fábio de Melo

Toda vez que falamos em sofrimento, de insegurança de medo, falamos de limites. E nessa hora também podemos perceber o cuidado de Deus na nossa vida. No sofrimento perdemos a graça, perdemos a mobilidade, mas, nossos olhos encontra alguém que nos segura. Jesus recebe a noticia de que Lazaro estava morto. Lazaro o melhor amigo de Jesus. Betânia representava para Jesus o lugar de descanso, está com os amigos de Betânia era para ele o lugar onde renovava as forças. Jesus viveu para fora, ele não se economizou. Nesse contato intenso tinha uma vida interior preservada. Não devemos construir cercas. Se um dia estiver no velório de alguém, esteja para chorar junto com ela. Não devemos ter respostinhas prontas. É preciso estar com pessoas que veem além das aparências. Jesus foi ao tumulo de Lazaro que já estava morto há quatro dias. Jesus não se prende as regras. Jesus diz Lazaro vem para fora, o sepulcro não é seu lugar. Falemos de mortes não biológicas. O grande problema da morte é o …

Indiferença

Hoje o tema que escolhi para postar foi a indiferença.Se quiseres machucar uma pessoa, seja indiferente a ela.O que Jesus diria dos indiferentes? Dos que ignoram o outro?Algumas perolas que li e concordo.Autor: Jorge Humberto“A indiferença é a hostilidade em pessoa e é por si só o pior dos sentimentos humanos, que se pode oferecer sem um pingo de arrependimento, aos nossos semelhantes. Quem usa de indiferença castiga sobremaneira a outra pessoa sem que esta se possa defender, pois o indiferente não oferece abertura, para uma conversação, já que se fecha na sua inimizade. O pior é que a pessoa indiferente no trato com o outro, tira prazer disso no seu egocentrismo desumano e incansável, pois estas pessoas gostam de causar dano às pessoas de bem. A indiferença maltrata sem uma única réstia de arrependimento.Quem é indiferente basta-se a si próprio, ou assim o julga, e retira desse sentimento defeituoso um gozo inesgotável, que gosta de apregoar aos sete ventos. São pessoas sarcásticas e…

Testemunho–Orientação de Deus–ESPERE

São Marcos, 11. Princípio da boa nova de Jesus Cristo, Filho de Deus. Conforme está escrito no profeta Isaías:2. Eis que envio o meu anjo diante de ti: ele preparará o teu caminho.40. Aproximou-se dele um leproso, suplicando-lhe de joelhos: "Se queres, podes limpar-me."41. Jesus compadeceu-se dele, estendeu a mão, tocou-o e lhe disse: "Eu quero, sê curado."42. E imediatamente desapareceu dele a lepra e foi purificado.43. Jesus o despediu imediatamente com esta severa admoestação:44. "Vê que não o digas a ninguém; mas vai, mostra-te ao sacerdote e apresenta, pela tua purificação, a oferenda prescrita por Moisés para lhe servir de testemunho."45. Este homem, porém, logo que se foi, começou a propagar e divulgar o acontecido, de modo que Jesus não podia entrar publicamente numa cidade. Conservava-se fora, nos lugares despovoados; e de toda parte vinham ter com ele. Hoje o Senhor falou comigo! Considero essa data 18/06/2013 mais um marco na minha vida: Recebo u…